Cidades do EntornoPolítica

Direção Nacional do Republicanos “hipoteca” apoio a Gustavo Mendanha e confirma João Campos para o Senado

Gustavo Mendanha e João Campos: final feliz para a aliança e apoio do Presidente Marcos Pereira

Republicanos e o pré-candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha culminaram na consolidação de uma aliança anunciada nesta segunda-feira (13/06) em um hotel da capital. Com direito a presença do presidente nacional do Republicanos, Marcos Pereira, a legenda cravou apoio ao ex-prefeito de Aparecida e confirmou o deputado federal, João Campos como pré-candidato ao Senado Federal pela chapa.

“Nós vamos hipotecar o apoio do Republicanos ao ex-prefeito Gustavo Mendanha que aqui está conosco e que será o candidato da coligação que eventualmente aprovada na convenção do partido na data que for marcada e a gente vem aqui em nome da executiva nacional do partido ao Mendanha e ao João Campos, ao Senado”, disse Marcos Pereira durante a entrevista coletiva que apresentou a configuração da aliança.

Pereira pontuou que as conversas já vinham acontecendo há algum tempo mas criaram corpo ao longo dos últimos dias. “Nós estamos dialogando há muito tempo, muitas vezes por telefone, outras vezes em Brasília e batemos o martelo na sexta-feira quando foi convocada a reunião para este anúncio”, destacou.

Pereira destacou que não haverá punições para os parlamentares ou filiados do partido que decidem caminhar com outras forças políticas, como o governador Ronaldo Caiado. O próprio João Campos já comunicou aos republicanos que não haverá punições. “Não há intervenção. Isso é feito com muito diálogo. O presidente do partido aqui em Goiás, João Campos dialogou com toda a nominata de deputados estaduais e federais e há um acordo com eles, de que aqueles que tem suas dificuldades por questões locais e regionais, possam seguir os seus caminhos”, pontuou.

Porém destaca que o caminho da unidade seria o melhor possível. “O ideal era que todos seguissem no mesmo caminho, mas é natural, num estado democrático como o nosso. Goiás é maior que muitos países e é natural que existam divergências”, explicou.

Um dos que apoiam o governador Ronaldo Caiado é o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz. Antes da coletiva, Marcos esteve no Paço conversando com o republicano. “Foi uma conversa tranquila. O prefeito precisa estar em alinhamento com o governador. Tem questões de recursos, obras e de interesses do município que a gente sabe que quem tem a caneta fica sempre sensível a esses temas”, destacou.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo